Vibram Five Fingers

Views
30 km de corrida pelo Pinhal da Apostiça, na véspera de Natal: puro êxtase!




Correr com os Vibram é durinho e requer alguma habituação, mas não há dúvida que ficamos "agarrados". Sente-se o chão e a sensação é óptima. Já para não falar na massagem revigorante na planta dos pés. Com o aumentar da distância os pés e os gémeos sofrem um bocado, mas em compensação os joelhos e os tornozelos beneficiam muito com a melhoria da postura. Ainda não estou capaz de me aguentar muito tempo em cima da parte anterior dos pés e a tendência é para voltar à posição preguiçosa em cima dos calcanhares, mas com o treino isto vai lá. Recomendo vivamente! Mas atenção: com cuidado e moderação.

Comentários

  1. Grande atleta Neo-veterano Luís:

    Ótimo tema de abertura do novo Blog de testemunho do utilizador e adepto das Five Fingers. Para além da mais valia da postura mais natural do pé, quanto à estética, depois de séculos de habituação a um modelo de sapato universal, aparenta ser um pouco "esquisito" vermos os 5 dedos vestidos desta forma.

    Também no aspecto estético, não é tanto uma novidade mas mais um regresso às origens.

    Os meus votos de grande sucesso do Blog Dorsal 1967, de igual modo que a evolução que o Atleta Neo-Veterano nos tem presenteado e que nos tem surpreendido.

    Um Grande Abraço, Luís.

    ResponderEliminar
  2. Obrigado Carlos! Espero dar-me bem com o novo "calçado". Umas excelentes corridas para ti em 2011, tu que não falhas uma!

    Um Grande Abraço, Carlos.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

ITRA Performance Index - Tudo o que nunca quis saber nem teve vontade de perguntar

UTAX - Ultra Trail Aldeias do Xisto - 2014

De Vela até aos Açores

5º AXTrail series 2012

Provas Insanas - Westfield Sydney to Melbourne Ultramarathon 1983

Le Grand Raid des Pyrénées

MIUT - Madeira Island Ultra Trail

Ultra Trail Atlas Toubkal - UTAT 2016 - A prova

GR13 - Via Algarviana

VCUF - Volta Cerdanya UltraFons - 214 km - 10.000m D+