Andorra Ultra Trail VallNord - Ronda dels Cims 2019 - Epílogo.

Views





O tempo não passa pela amizade. Mas a amizade passa pelo tempo. É preciso segurá-la enquanto ela há. Somos amigos para sempre mas entre o dia de ficarmos amigos e o dia de morrermos vai uma distância tão grande como a vida.

- Miguel Esteves Cardoso



There is something about building up a comradeship - that I still believe is the greatest of all feats - and sharing in the dangers with your company of peers. It's the intense effort, the giving of everything you've got. It's really a very pleasant sensation. 

- Edmund Hillary






Toda a equipa RUN 4 FUN esteve comigo na montanha.




E enquanto eu corria, a família e os amigos seguiam-me através da tecnologia moderna:




O histórico ainda está gravado neste link:

GPS Tracker




Fico grato, em particular à Marina e ao Luís Afonso, pelo acompanhamento próximo e minucioso que fizeram da minha prova.







A seguir à prova, a magnífica guarda de honra que os meus companheiros proporcionaram, conjugada com a adrenalina, e a enorme alegria de ter completado o desafio, fizeram com que eu me sentisse novo.

Eis aqui os seu testemunho relativo ao meu estado após cortar a meta:





"Muito a sério...

De todos os participantes nas provas, é só não digo também da malta toda porque os voluntários passaram horas a beber jolas, o @Luis Matos Ferreira deu xôôuu di bola.

Virou 7 imperiais de seguida na meta.

E se não o tivesse encaminhado para o carro não sei como é que era!

E de seguida mergulho na piscina, braçadas, conversa. Qual descansar!!!!

E confirmo que ele articulava muito bem as palavras e os pensamentos. A 100%."




Foram, vocês meus amigos, que me deram toda esta energia.







Sabem do que mais me orgulho nestas aventuras? É de sentir que sou uma inspiração para muitas pessoas, a quem isso faz falta e ajuda. E acho que sou essa inspiração porque faço coisas complicadas mas que é possível emular: ou seja, as pessoas conseguem identificar-se com os meus desempenhos e com as dificuldades que atravesso e conseguem pensar que com a quantidade de treino certa, com trabalho e persistência, também conseguirão fazer as mesmas coisas. E isso é verdade. Cada vez mais gente faz isto. Mas eu sinto-me parte de um grupo pioneiro mais reduzido de atletas de pelotão, que começou a fazer isto em Portugal. O que é uma honra e um privilégio.







Apenas algumas notas finais relativas à prova:















(nota: o Garmin parou durante cerca de duas horas)














E agora quero é:
















Comentários

  1. Luís, sem dúvida que és uma grande inspiração, embora poucos possam seguir os teus exemplos :). Belo epílogo de uma grande aventura. Obrigado e um runabraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado amigo João!! Respeito imenso a tua opinião e também tu tens sido uma enorme inspiração para mim, pela forma calorosa e ativa como abordas esta coisa de estar vivo. Forte abraço

      Eliminar
  2. 7 imperiais e mergulhos na piscina? Respect! ehehe

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hehehe... foram as imperiais que melhor me souberam em toda a minha vida. Muito obrigado Filipe! Abraço

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

ITRA Performance Index - Tudo o que nunca quis saber nem teve vontade de perguntar

UTAX - Ultra Trail Aldeias do Xisto - 2014

De Vela até aos Açores

5º AXTrail series 2012

Provas Insanas - Westfield Sydney to Melbourne Ultramarathon 1983

Le Grand Raid des Pyrénées

MIUT - Madeira Island Ultra Trail

Ultra Trail Atlas Toubkal - UTAT 2016 - A prova

GR13 - Via Algarviana

VCUF - Volta Cerdanya UltraFons - 214 km - 10.000m D+