RUN 4 FUN nas Competições Nacionais de Trail da ATRP

Views









There is something about building up a comradeship - that I still believe is the greatest of all feats - and sharing in the dangers with your company of peers. It's the intense effort, the giving of everything you've got. It's really a very pleasant sensation. 

- Edmund Hillary










Para a época de 2018/2019, dos Circuitos e Taça da ATRP, constituiu-se uma equipa RUN 4 FUN, com 18 magníficos e garbosos elementos:







Olhando para a lista, dá para ver que é uma equipa detentora de uma vastíssima experiência.

Senão vejamos uma pequena caracterização estatística:

Média: 50 anos
Mediana: 51 anos
Desvio padrão: 8 anos.

Ou seja, 67% da equipa está compreendida no intervalo entre os 42 e os 58 anos (na verdade são 83%, dado que há apenas três elementos fora do intervalo, e sendo que um deles é nitidamente um outlier).

A quota feminina é preenchida com 4 magníficas atletas (22% da equipa, mas 80% da garra), que amiúde ocupam um merecido lugar nos pódios dos respetivos escalões.

É ainda de referir que dois dos elementos da equipa constam da lista de portugueses com mais de 50 Maratonas ou Ultras, o Jorge Esteves e o Teodoro Trindade.



O que não se consegue ver numa tabela é a enorme paixão que todos estes desportistas nutrem pela corrida em trilhos, em ambiente de natureza.

E, não menos importante, toda a alegria e diversão que colocam nesta atividade, eminentemente social.

Mas talvez seja possível ter uma idea, consultando as publicações no seu Blog de Corrida, RUN 4 FUN.






Aqui está a lista de provas dos Circuitos Nacionais de Trail, Ultra Trail e Trail Ultra Endurance:

Pode ser obtida, em formato PDF, neste link:

ATRP_CALENDARIO_CIRCUITOS_2019.pdf



A lista das provas da Taça de Portugal encontra-se neste link:

ATRP_CALENDARIO_PROVAS_TAÇA_2019.pdf



O Regulamento dos Circuitos encontra-se no seguinte link:

REGULAMENTO


E os resultados e restante informação, no myATRP.



Nota: se forem masoquistas, como eu, e quiserem verificar em que posição se encontram no Ranking  Nacional, podem fazê-lo aqui:

Ranking

É um bom incentivo para começar a participar com maior frequência.





Pequeno resumo do regulamento:


Os Circuitos ATRP decorrerão no período da época desportiva de 15 de Novembro de 2018 a 31 de Outubro de 2019.


Pontuação individual:

Em cada prova dos 3 circuitos e da taça, e em cada escalão, basta terminar para pontuar. A pontuação individual por prova é determinada da seguinte forma:

Series150: Tempo Vencedor / Tempo Atleta x 150
Series100: Tempo Vencedor / Tempo Atleta x 100

Ao valor apurado adiciona-se um bónus adicional de pontos pela competitividade (apenas aos 20 primeiros):
 



Por fim, para ser finalizador de um circuito, é necessário cumprir um número mínimo de provas, cujos pontos serão adicionados, a fim de obter a pontuação final:

Circuito Nacional Trail: 6 provas
Circuito Nacional Ultra: 4 provas
Circuito Nacional Edurance: 2 provas
Taça de Portugal: 4 provas




Pontuação coletiva:

Na classificação por equipas, os pontos são calculados pela ordem de chegada à meta. Depois somam-se os pontos dos 3 melhores atletas. A equipa que tiver menos pontos ganha.

A pontuação final é dada pela seguinte tabela:







Para a equipa poder ser finalizadora de um circuito, é necessário cumprir um número mínimo de provas, cujos pontos serão adicionados, a fim de obter a pontuação final:

Circuito Nacional Trail: 10 provas
Circuito Nacional Ultra: 6 provas
Circuito Nacional Edurance: 4 provas
Taça de Portugal: não há classificação coletiva






Até à data de hoje, princípio de Agosto, elementos da equipa já estiveram presentes nos três circuitos e na Taça. No entanto, a equipa ainda não pontuou em provas suficientes para ser classificada. Mas essa lacuna deverá ser colmatada até ao fim da época, pois já há elementos inscritos nas próximas provas.








CIRCUITO NACIONAL ULTRA:



A participação do RUN 4 FUN, teve início logo em Janeiro, no Louzantrail, na distância de 45K, com uma representação de 4 elementos.


Logo desde o início se tem visto que o escalão mais participativo é o M55, muito destacado no número de provas feitas:


Quantidade de provas efetuadas por escalão:








Relativamente à contribuição para a classificação da equipa, todos os elementos são fundamentais, mais que não seja pelo espírito de grupo coeso que se forma, e pelo apoio, incentivo e entre-ajuda entre todos.

Com essa ressalva, pode-se apresentar um grafico dos contributos (pontos) que fecharam a equipa nas 3 classificações necessárias para pontuar:




O João Sousa e o Luís Afonso Carvalho aparecem destacados, logo seguidos pelo Paulo Raposo e pelo Rui Faria. Isso é que é puxar a carroça!!







Até agora ainda não estamos classificados em nenhum escalão, mas já estamos perto de atíngir as 6 provas necessárias para classificar na Geral por equipas. Será já em Setembro em Arga?





Quanto às classificações individuais, neste momento já temos um elemento classificado no Circuito Ultra, o Luís Afonso Carvalho, e esperamos classificar mais nas próximas provas:

O João Sousa, o Rui Faria e o Teodoro Trindade estão bem colocados  para passarem a fasquia:






Não posso deixar de sublinhar um belíssimo primeiro lugar, nos 46K dos Trilhos de Mértola, no escalão F45 da Marina Marques, bem como o excelente  3º lugar no escalão F40 da Ana Melo, na mesma prova!!

Aliás, os Trilhos de Mértola foram uma das duas provas mais participadas, ex-aequo com os Trilhos de Bellas, ao contarem com 8 elementos da armada RUN 4 FUN.

Não me esqueço também do magnífico 2º lugar, no Ultra Trail de Sesimbra, no escalão M55, do Teodoro Trindade! Muitos parabéns Teodoro!!




CIRCUITO NACIONAL TRAIL:



Quanto às classificações individuais no Trail, neste momento não temos ninguém perto de se classificar, e já não parece ser possível completar as 6 provas necessárias até ao fim da época:






A Ana Melo foi fazer uma excelente prova à Ilha de Santa Maria, nos Açores, tendo conquistado o primeiro lugar do escalão F40! Parabéns Ana!!

Há que realçar também a nossa primeira participação no escalão M60, em Sesimbra, do nosso fundador João Ralha, pedra angular, grande dinamizador, que está no RUN 4 FUN desde o início, em 2008 e mantem uma longevidade nas corridas invejável, apesar de algumas lesões debilitantes.

Mais um ano e meio e vários dos companheiros de equipa passarão para esse escalão, que, nos masculinos (os femininos RUN 4 FUN há anos que já têm a fasquia muito alta) provavelmente passará a ser o mais competitivo de sempre da história do RUN 4 FUN!








CIRCUITO NACIONAL ENDURANCE:



No Circuito de Endurance, faltaria apenas uma prova para o Pedro Ribeiro se classificar, depois de ter completado com imenso sucesso os duríssimos 115K & 7.500 mD+ do MIUT - Madeira Island Ultra Trail. Grande Pedro!

Aqui está o emocionante relato da prova, feito na primeira pessoa:

O MIUT












TAÇA DE PORTUGAL:



Na Taça, participámos em duas provas das quatro que são necessárias para pontuar.

Como já foi referido, nos Trilhos de Bellas tivemos um vasto contingente, a maior participação da época, com 8 atletas a fazerem o gosto ao pezinho.

Há que realçar o 3º lugar no escalão F45, conquistado pela Marina Marques, bem como o 3º lugar no escalão M55, alcançado pelo Teodoro Trindade. Estes dois são imbatíveis!!

E não posso deixar de referir o excelente primeiro lugar por equipas femininas e o terceiro lugar nos masculinos!!

Foi uma etapa mágica, cheia de conquistas!!










E fica aqui um pequeno quadro de honra, em homenagem às nossas meninas e ao nosso veterano:






E queria deixar ainda uma palavra para os restantes atletas da equipa, que ainda não mencionei:

Um grande bem haja para a Sandra Simões, por estar sempre pronta (em parceria com o Rui Faria) para organizar os Treinos semanais na Serra, bem como os Trail Camps, e por ser uma companhia permanentemente alegre e bem disposta, que contagia todos ao seu redor.

Um forte abraço para o António Rego, o nosso Gigante Bom, que tem tido uma evolução fantástica (se bem que ele já tem um histórico desportivo de respeito, não apenas nesta modalidade), e que na próxima época garantidamente iremos ver a abraçar desafios de 3 dígitos. O António é uma presença discreta mas eficaz e um ser humano sempre pronto para ajudar o próximo.

Um high-five para o Gonçalo Melo, meu companheiro de escalão, e grande companheiro de aventura: hê pá, amigo, se tivessemos mais um gajo no escalão, ainda partíamos a loiça toda... (hehehehehehe... presunção e água benta...)

E para os restantes companheiros, que ainda não se estrearam nesta época, por lesão, ou por se terem inscrito ainda há pouco tempo, amigos contamos convosco. Vamos a isto!

Francisco Afonso
Manuela Machado
Pedro Machado
Raúl Matos




Falta-me deixar uma palavra especial para o Luís Afonso Carvalho, que foi o Grande Instigador (não confundir com Inquisidor) e organizador desta magnífica participação laranja nas Competições Nacionais. Se não fossess tu, nada disto teria acontecido. A tua pro-atividade e entusiasmo são admiráveis. Estás com este grupo há apenas um ano e já és um elemento chave.




Resta incentivar os restantes 140 Atletas RUN 4 FUN a se associarem na ATRP, já durante o próximo mês de Outubro, e se inscreverem na equipa 6275, cujo administrador julgo ser o Teodoro Trindade (obrigado Teodoro!).


Como ser Associado




Para além disso, a minha opinião pessoal é que vale a pena subscrever o Seguro.

Em abono da verdade e transparência, necessito fazer um disclaimer: como membro fundador da Associação, pertencente à primeira e segunda direções da ATRP, a minha opinião é necessariamente enviesada. No entanto julgo que as Competições Nacionais ATRP vieram trazer uma dinâmica imparável ao Trail Running. Penso que vale a pena fazer parte da Associação enquanto associado, mais que não seja para fazer parte deste magnífico empreendimento, mesmo que por alguma razão não seja possível participar nas Competições.




Relembro que há provas das Competições de 2020 cujas inscrições abrem já em Setembro.

Por exemplo, o MIUT - Madeira Island Ultra Trail, abre as inscrições às 11h30 de dia 25 de Setembro, 7 meses antes da prova ter lugar, a 25 de Abril de 2020. E normalmente as vagas esgotam em questão de poucas horas:

MIUT - Madeira Island Ultra Trail







E neste tom de celebração, despeço-me, por agora, com amizade.

Agora podem deliciar-se a ler uma pequena amostra do vasto acervo de crónicas emocionantes e inspiradoras que se encontram no Blog RUN 4 FUN:





Atleta em Destaque: Gonçalo Melo

Atleta em Destaque: João Ralha

Atleta em Destaque: Jorge Esteves

Novos Membros: Luis Afonso Carvalho

Atleta em Destaque: Luís Matos Ferreira

Atleta em Destaque: Maria Manuela Machado

Novos Membros: Marina Marques

Atleta em Destaque: Paulo Raposo

Atleta em Destaque: Pedro Machado

Atleta em Destaque: Pedro Ribeiro

Atleta em Destaque: Rui Faria

Atleta em destaque: Sandra Simões

Atleta em destaque: Teodoro Trindade

Trail de Sesimbra 03/06/18

10 ANOS de RUN 4 FUN

Trail Costa Vicentina 2018

A MINHA PRIMEIRA

A minha primeira prova Rainha

#Penacova#TrailUltra42km

ALUT – A Palavra

Ultra-Trilhos de Mértola

O MIUT










Fotos e Vídeos:


Trilhos de Mértola:


Trilhos de Mértola - Fotos








Comentários

  1. Tão bom ouvir-te Luís, com tanto carinho até apetece fazer a inscrição para os circuitos, agora mesmo, no final da época... ainda não foi este ano mas será por certo no próximo. Assim que abrirem as inscrições faz ring a bell aqui à mais recente peer 🤗 Prometo não estragar muito a média ou pelos não serei uma outlier 😂
    O mais importante salientar neste grupo é que dificilmente se podem sentir outsiders... é o grupo que melhor acolhe uma diversidade de boa gente 😍.
    Grata por me poder vestir de laranja.
    Bjs já a ressacar de um trilho laranja
    Rute

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado minha querida amiga! És muito amável 😊. As tuas palavras sensibilizam-me 🤗. Podes crer que te avisarei logo que abrirem as inscrições 🥳. És um elemento fundamental no grupo. Vais adorar o esforço de equipa 🍊👍.

      Eliminar
  2. Está excelente Luís!
    É o nosso primeiro ano em modo "competitivo", vá lá se se pode dizer isso, e estamos a aprender.

    Esta tua publicação vem mostrar uma nova janela de objectivos que normalmente o RUN 4 FUN não almeja com muita gana.

    Obrigado pela parte que me "tocas".

    Em boa hora o Luís Afonso nos desafiou para inscrevermos o Clube na ATRP.


    Runabraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado amigo Rui! Tens sempre excelentes palavras de encorajamento, e estás sempre pronto a apoiar a malta, prescindindo do teu próprio tempo. E isso é admirável.

      Sim, julgo que a partir daqui deveríamos celebrar sempre cada prova que fizermos nos circuitos. A celebração é muito importante para manter as pessoas motivadas.

      Sim, em boa hora o Luís Afonso nos desafiou. Foi uma excelente ideia. Agora é ver se contagiamos a restante malta, para que a eqipa cresça.

      Eliminar
  3. Excelente resumo de uma perspetiva mais competitiva, nas sempre a pensar FUN. Na minha única participação a melhor parte foi o convívio no final da prova, com os nossos companheiros. E aguardamos até o nosso último companheiro concluir. Foi uma festa R4F. Obrigado Luís, pela tua iniciativa, com um grande abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado João!! Estás sempre atento. O teu apoio é sempre um grande incentivo para mim. Para além de seres uma pessoa de quem se gosta muito facilmente, nunca me esqueço que se não fosses tu (e o Paulo Marcos), este clube magnífico nunca teria existido e eu nunca teria tido a oportunidade de viver tudo isto com esta malta excecional. Obrigado eu! Forte abraço

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

ITRA Performance Index - Tudo o que nunca quis saber nem teve vontade de perguntar

UTAX - Ultra Trail Aldeias do Xisto - 2014

De Vela até aos Açores

5º AXTrail series 2012

Provas Insanas - Westfield Sydney to Melbourne Ultramarathon 1983

Le Grand Raid des Pyrénées

MIUT - Madeira Island Ultra Trail

Ultra Trail Atlas Toubkal - UTAT 2016 - A prova

GR13 - Via Algarviana

VCUF - Volta Cerdanya UltraFons - 214 km - 10.000m D+